Ponte Newton Navarro: Vale a Pena? Saiba Tudo Sobre o Local

Está curioso sobre a relevância de conhecer a Ponte Newton Navarro, em Natal?

Anúncios

Neste artigo, você ficará por dentro de todos os fatos importantes sobre esse ponto turístico, assim conseguirá decidir se faz sentido inseri-lo ou não em seu roteiro de viagem.

Anúncios

Uma ida ao Rio Grande do Norte deve acompanhar um bom planejamento, já que há diversas atrações interessantes para fazer por lá e o tempo de quem viaja tem suas limitações.

Nesse contexto, entre praias, lagoas, dunas e o maior cajueiro do mundo, será que faz sentido incluir uma ponte entre todas as coisas que você pode ver e aproveitar no Rio Grande do Norte? Confira!




Antes de continuar a leitura... fizemos uma seleção com os principais passeios da região para você conferir. Veja agora (clique para ler os detalhes):

CARACTERÍSTICAPASSEIO
Visita à São Miguel do Gostoso
  • Várias praias maravilhosas para relaxar e curtir
  • Surk, Windsurf, Kitesurf e passeio de Buggy para quem procura atrações únicas
Ver Passeio →
Parrachos de Maracajaú
  • Considerado como o "Caribe brasileiro", por sua beleza
  • Pratique mergulho e diversos outros esportes aquáticos
Ver Passeio →
Praia de Pipa
  • Suas incríveis praias fazem de Pipa um dos principais pontos turísticos do Brasil
  • Sinta-se em um estúdio cinematográfico ao visitar o centro de Pipa
Ver Passeio →
Passeio de Buggy em Genipabu
  • Dirija seu buggy pelas principais dunas de Natal
  • Encontra no passeio águas quentes, lagoas tranquilas de água doce e brias suaves
Ver Passeio →
City Tour por Natal
  • Ideal para quem deseja conhecer a cidade com mais calma
  • O City Tour busca, e lhe leva de volta, até sua hospedagem
Ver Passeio →
Passeio à Barra do Cunhaú
  • Praias, piscinas naturais e passeios de barcos para quem ama ficar na água
  • Para quem gosta de esportes radicais, Windsurf e Kitesurf são as opções certas
Ver Passeio →



Localização

Onde fica?

A Ponte Newton Navarro fica no bairro da Redinha, em Natal.

Lugares Próximos

O que esperar da Ponte Newton Navarro?

Ponte Newton Navarro
Fonte: Marcone Maffezzolli (Flickr)

A Ponte Newton Navarro, também conhecida como “Ponte de Todos”, é uma ponte estaiada, o que significa que ela não conta com muitas ancoragens ou cabos que se estendem por todo o seu comprimento. São 1.8 quilômetros de extensão.

Sua construção teve início no dia 24 de outubro de 2004 e ela levou 6 anos para ser construída.

Assim sendo, trata-se de um monumento relativamente novo, mas que já faz um grande sucesso tanto entre os natalenses quanto entre os turistas que visitam a capital do Rio Grande do Norte.

A ponte foi construída pelo engenheiro italiano Mario de Miranda, contratado especialmente para esse projeto e, de fato, fez um belo trabalho.

Logo em seguida, você confere o porquê de afirmarmos que a Ponte Newton Navarro é especial.

Ligação entre a Zona Norte e a Zona Leste de Natal

Um dos pontos interessantes da Ponte Newton Navarro é justamente um dos propósitos para os quais ela foi construída: a conexão entre zonas de Natal.

Ela conecta as zonas Norte e Leste e é um dos pontos de conexão com o litoral norte do estado.

Na Zona Leste, você encontrará bairros importantes como é o caso da Praia do Meio, que abriga uma das praias mais frequentadas pelos potiguares e que, inclusive, já foi a praia mais turística da capital.

Por outro lado, na Zona Norte, ficam a Praia da Redinha, a Praia de Genipabu e a Praia do Forte, pontos turísticos do litoral norte do estado, muito relevantes para Natal.

Dado que há atrações importantes tanto na Zona Leste quanto na Zona Norte, conhecer a Ponte Newton Navarro é conveniente, já que para transitar entre esses lugares da cidade você pode passar por ela ao invés de vê-la de longe!

Vista espetacular do Rio Potengi e de Natal

Outro aspecto muito importante do ponto turístico é a vista espetacular que ele oferece tanto do Rio Potengi quanto de várias partes de Natal.

A Ponte Newton Navarro é um cartão-postal da cidade dada a sua arquitetura, imponente e moderna.

Foque no que Realmente Importa e Deixe Todo Resto Conosco…

Preparamos um guia completo, atualizado e 100% gratuito para você viajar com tranquilidade e não deixar passar nenhum detalhe. mockup natal
O que você encontrará no nosso Guia Completo de Viagem – NATAL/RN:

✅ A época ideal para realizar sua viagem
✅ Os melhores meios de locomoção
✅ Os principais eventos
✅ Passeios imperdíveis
✅ Atrações indispensáveis
✅ Seleção especial com os principais restaurante

Nós já fizemos todo trabalho por você…

Faça o download gratuito do material e planeje a sua viagem com muito mais facilidade e segurança

No entanto, não é só a visão da ponte que é atraente para os natalenses e para os turistas.

A visão panorâmica que as pessoas que estão lá em cima possuem também é muito bonita, e isso em qualquer momento do dia.

Por outro lado, não podemos deixar de comentar que também é espetacular a visão que as pessoas têm da ponte quando estão em algumas praias de Natal ou em barcos no Rio Potengi.

Nesse caso, recomenda-se a visita principalmente no pôr do sol, pois a ponte compõe uma vista muito mais harmônica com as cores do lusco-fusco.

Iluminação cênica

Quando dizemos que uma ponte ou monumento tem uma iluminação cênica, nos referimos aos mecanismos que transformam aquele espaço em um espetáculo, como uma peça teatral. Ou seja, a iluminação em questão tem um efeito artístico.

O mais interessante dessa iluminação?

Ela foi desenhada para ser cênica tanto para quem vê a ponte de fora quanto para quem está atravessando a cidade.

Assim sendo, a iluminação favorece o visual da ponte de várias formas.

Para dar exemplos desse estilo de iluminação, destacamos as diferentes cores que inundam toda a extensão da ponte ou os efeitos que deixam partes dela com um foco mais definido ou indefinido.

Além disso, o Réveillon merece destaque no que diz respeito à iluminação da ponte, pois a queima de fogos ocorre lá e é composta por um show de luzes exibida ao longo da estrutura.

Considerando esse espetáculo, conhecer Natal em dezembro é uma ótima ideia!

Prós e contras: uma visita à Ponte Newton Navarro realmente vale a pena?

Ponte Newton Navarro
Fonte: Fotografos e Fotografias Facebook (Flickr)

Pontos negativos

Você não pode estacionar na ponte

Mais acima comentamos sobre o quanto a vista de Natal e do Rio é espetacular para quem atravessa a Ponte Newton Navarro.

Esse é um ponto extremamente positivo, porém há um contraponto que é necessário considerar: não é permitido parar o carro na ponte para admirar a vista.

Assim sendo, para ter acesso à vista panorâmica de Natal e do Rio Potengi, ou você se limita ao que é possível ver dirigindo ou burla as leis de trânsito para fazer fotos e admirar a vista com mais calma, o que não é aconselhável.

Tráfego intenso

Além de não ser permitido estacionar, se você tomar a decisão de burlar as regras ou simplesmente se sentir tentado a conhecer essa atração de perto, saiba que o tráfego por lá é intenso.

Esse trânsito mais pesado começa na avenida de acesso à Newton Navarro e, muitas vezes, ocupa toda a sua extensão.

Assim sendo, mesmo quando você quer apenas se deslocar de um lado ao outro da cidade, essa decisão pode se tornar muito estressante principalmente quando você não tem muito tempo na capital e pretende conhecer vários lugares em um mesmo dia.

Nada pior que ter os planos atrapalhados por alguns minutos (ou até horas) no trânsito, não é mesmo?

Pontos positivos

A vista da ponte é realmente espetacular

Utilizamos o adjetivo “espetacular” várias vezes por um motivo: de fato, a ponte é belíssima e seu design compete tranquilamente com várias pontes brasileiras e de fora do Brasil.

Além do seu desenho, adiciona-se ao espetáculo a paisagem do entorno, que envolve o RIO, suas margens, o cenário urbano da capital, a cor da água e as tonalidades do céu que vão mudando ao longo do dia.

Esses fatores dão à Ponte Newton Navarro um visual completamente original, único e que não se pode replicar em lugar algum que não seja Natal.

Assim, você pode visitar várias pontes no Brasil e no mundo, mas nenhuma será tão especial quanto essa.

A visão da ponte também é especial de outros pontos da cidade

Por fim, vale destacar que a ponte pode ser vista de vários pontos da cidade, o que é bom porque você não precisa atravessá-la para constatar que ela é magnífica.

Estando em uma praia próxima, fazendo um passeio de barco pelo Potengi ou em estabelecimentos próximos, você terá acesso à visão que se tornou cartão-postal da capital do RN!

Conclusão: vale a pena ou não conhecer a Ponte Newton Navarro?

Ponte Newton Navarro
Fonte: Márcia Procopio Rocuet (Flickr)

Essa pergunta faz sentido se você pensar na resposta por dois pontos de vista diferentes.

Primeiramente, é possível conhecer a ponte mesmo sem atravessá-la, isto é, de outros pontos de Natal. Entretanto, também é possível conhecê-la atravessando da Zona Norte para a Zona Leste e vice-versa.

Nesse contexto, sob qual perspectiva vale mais a pena conhecer esse ponto turístico?

Recomendamos que você coloque na sua programação visitar locais em que seja possível ver a Ponte Newton Navarro principalmente no momento do pôr do sol, que é quando ela assume seu momento de maior esplendor.

Não é necessário atravessá-la para ter acesso a ela!

Não é bom que você visite a capital do RN e não veja pelo menos de longe um dos seus cartões-postais mais importantes.

Aliás, você pode vê-lo de vários outros pontos turísticos, como a Praia da Redinha e o Forte dos Reis Magos.

Porém, no que diz respeito a atravessar a ponte, não é possível dizer que esse é um passeio que você necessariamente tem que fazer.

Ela conecta zonas da cidade e conecta Natal a alguns municípios, mas se você não está interessado em fazer esses trajetos, não é necessário atravessar a ponte só por atravessar.

Claro que estamos falando de uma vista bonita, mas parar na ponte para admirá-la apresenta alguns perigos – e, de fato, você nem pode fazê-lo.

Se fizer a travessia, permaneça em seu veículo e escolha um horário em que seja possível admirar a iluminação da atração turística!

Perguntas frequentes

Quem construiu a ponte Newton Navarro?

O construtor foi o italiano Mario de Miranda, contratado especialmente para esse projeto.

Para onde vai a Ponte Newton Navarro?

A atração turística conecta a Zona Leste e a Zona Norte de Natal, além de conectar Natal a municípios da região Norte do Estado do Rio Grande do Norte!

Quantos quilômetros de extensão tem a Ponte Newton Navarro?

O monumento tem 1.8 quilômetros de extensão.

Você também pode gostar...

Guia completo, atualizado e 100% gratuito para

Natal