Carregando...

Salvador em Maio: 5 Dicas de Atrações para Curtir no Mês

Está pensando em viajar para Salvador em maio? Então, confira a seguir o que fazer na capital baiana para aproveitar o mês ao máximo!

Anúncios



Antes de continuar a leitura... fizemos uma seleção com os principais passeios da região para você conferir. Veja agora (clique para ler os detalhes):

CARACTERÍSTICAPASSEIO
Praia de Itapuã
  • Lugar que serviu de inspiração para a música de Toquinho, com letra de Vinicius de Morais
  • O Farol da Praia de Itapuã é o mais belo cartão postal de Salvador
Ver Passeio →
Praia do Porto da Barra
  • Porto da Barra já foi eleito pelo The Guardian como a terceira melhor praia do mundo
  • Excelente opção de praia urbana, tranquila até nos fins de semana
Ver Passeio →
Zoológico de Salvador
  • Conta com espécies raras e ameaçadas de extinção
  • Mais de 700 mil metros quadrados, com cerca de 1500 animais
Ver Passeio →
Pituba
  • Município de maior variedade comercial de Salvador
  • São várias as atrações, desde Centro Histórico, praias e o Mercado Modelo
Ver Passeio →
Rio Vermelho
  • Um dos bairros mais movimentados da Bahia
  • Famoso por ser um excelente ponto gastronômico
Ver Passeio →
Praia das Neves
  • Melhor lugar de todos para apreciar o mar e pegar aquele bronzeado
  • Lugar ideal para quem gosta de tirar fotos maravilhosas
Ver Passeio →



Como aproveitar Salvador em maio da melhor maneira possível?

Historicamente, o mês de maio é o que mais chove em Salvador.

Anúncios

A precipitação média do mês é de aproximadamente trezentos mililitros e chove mais ou menos quinze dias.

Como as chances de chuva são maiores em Salvador em maio, muitos indicam não viajar para lá nessa época. Afinal de contas, o tempo ruim pode atrapalhar alguns passeios.

Mesmo assim, dá para aproveitar bastante a viagem para Salvador em maio.

Embora a chance de chuva seja alta, geralmente ela é passageira. Além disso, faz bastante calor.

Em média, as temperaturas variam entre vinte e quatro e vinte e nove graus.

Sem contar que o mês de maio é baixa temporada. Então, os preços costumam ficar mais acessíveis.

Confira a seguir algumas opções de passeio para aproveitar o mês.

1. Candyall e Tal

Candyall e Tal
Fonte: Governo do Estado da Bahia (Flickr)

O Candyall e Tal é um festival de arte urbana realizado em Salvador em maio. O seu objetivo é promover a atmosfera musical e artística do bairro Candeal por meio de uma intensa programação cultural.

Durante o festival, as ruas do Candeal ficam bastante movimentadas com os eventos abertos ao público, como a Feira de Artes e Gastronomia.

Além disso, os principais espaços do bairro recebem apresentações musicais, como a Praça das Artes e a Escadaria do Zé Botinha.

Todos os anos, o Candyall e Tal conta com apresentações de grandes nomes da música brasileira, como Carlinhos Brown, BaianaSystem, Dão Black, Saulo e BNegão Trio.

Vale a pena conferir a programação!

2. Museu Afro-brasileiro

Museu Afro-brasileiro
Fonte: wilphid (Flickr)

Uma boa alternativa para driblar os dias de chuva em Salvador em maio é visitar os museus da cidade.

Por exemplo, o Museu Afro-brasileiro (MAFRO), da Universidade Federal da Bahia, está localizado no centro e tem um acervo artístico, cultural e histórico gigante.

Com o objetivo de divulgar e preservar a cultura africana e afro-brasileira, o MAFRO conta com um acervo de mais de mil e cem peças, que incluem cerâmicas, instrumentos, tecidos, máscaras, esculturas e outros artigos.

Além disso, lá você encontra várias obras relacionadas ao candomblé, à capoeira, ao Carnaval e outros elementos da cultura da Bahia.

Embora o MAFRO seja um museu voltado para pesquisa, ele também oferece diversas atividades didáticas e culturais, bem como exposições temporárias, além de possuir uma biblioteca especializada e um teatro.

Com certeza, vale a pena ficar de olho na programação!

3. Pelourinho

Pelourinho
Fonte: Mario Falcetti (Flickr)

Sem dúvida, o Pelourinho é um dos pontos turísticos mais visitados de Salvador. Afinal de contas, o bairro é o coração de Salvador.

Lá você encontra diversas lojas, restaurantes e cenários encantadores. É difícil de acreditar como um lugar tão alegre carrega uma história tão triste!

Antigamente, o Pelourinho era um método de punição. Os escravos eram amarrados em um poste e chicoteados em público.

Hoje, reconhecido como Patrimônio Histórico da Humanidade pela UNESCO, o Pelourinho é sinônimo de cultura, música e arte baiana.

Lá você encontra igrejas exuberantes (inclusive, visitar as igrejas de Salvador é um ótimo programa para os dias de chuva — fica a dica). As principais são a Igreja Nossa Senhora do Rosário dos Pretos e a Catedral Basílica.

No Pelourinho também há centros culturais e museus – como a Fundação Jorge Amado – e bares onde você pode experimentar sabores exóticos de caipirinha. Além disso, é normal que ocorram apresentações artísticas nas ruas do Pelourinho.

A vantagem de visitar o Pelourinho em maio é que nessa época do ano ele está mais vazio. Então, você pode andar com mais tranquilidade e tirar fotos lindas, sem pessoas desconhecidas no fundo.

4. Ponta do Humaitá

Ponta de Humaitá
Fonte: Valter Kabas (Flickr)

A Ponta do Humaitá, ou Ponta do Monte Serrat, fica no extremo sul da Península de Itapagipe, na Cidade Baixa. Lá está localizada a Igreja e o Mosteiro de Nossa Senhora do Monte Serrat, o Clube Náutico da Bahia, o Farol de Humaitá e um píer.

Contudo, a grande atração da Ponta de Humaitá é o pôr do sol. Esse é um dos poucos lugares do Brasil onde é possível ver o sol de pondo no mar, sobre a Baía de Todos os Santos.

Então, aproveite para tirar muitas fotos incríveis!

Mas, lembre-se: na região nordeste o sol se põe mais cedo que no resto do Brasil, por volta das cinco da tarde. Então, fique atento para não perder esse espetáculo de Salvador em maio quando o dia estiver limpo.

5. Praia do Forte

Praia do Forte
Fonte: Marina Munne (Flickr)

Embora esteja localizada na cidade de Mata de São João, a Praia do Forte (veja aqui) faz parte da grande Salvador e vale a pena receber uma visita em maio.

Ela fica a setenta quilômetros da capital baiana (mais ou menos uma hora e meia de distância), na Costa dos Coqueiros, e possui vinte e seis quilômetros de litoral perfeito para caminhada e mergulho.

As praias da Praia do Forte têm uma paisagem linda, com areia clara, mar cristalino, recifes de corais e orla repleta de coqueiros.

Além disso, mesmo com as lojas e restaurantes no centrinho, a cidade ainda mantém o clima de vila de pescadores. Ou seja, esse é um lugar para relaxar!

Uma das grandes atrações da Praia do Forte é a base do Projeto Tamar. Lá você pode conhecer mais sobre o trabalho de proteção das tartarugas marinhas e visitar enormes tanques com arraias, tubarões e tartarugas gigantes.

Esse é um ótimo programa para fazer em Salvador em maio com a família!

Como vimos, há muito o que fazer em Salvador em maio mesmo com chuva. Então, se você está programando sua viagem para esse mês, não deixe a alta probabilidade de chuva desanimar você.

Invista em passeios que não serão influenciados pelo mau tempo e tenha sempre um plano B para não perder um dia de viagem por causa da chuva.

Gostou das nossas dicas? Então, conheça 5 cidades próximas a Salvador para você incluir no seu roteiro de viagens!

Você também pode gostar...

Guia completo, atualizado e 100% gratuito para

Salvador