Bosque das Águas Vale a Pena? Tudo o que você Precisa Saber!

Você, que está se perguntando se o Bosque das Águas vale a pena, saiba que terá grandes chances de curtir o passeio se gostar de ecoturismo e passear com a família.

Aliás, se você estiver pensando em ir para Bonito (MS), é bom gostar de ecoturismo, porque essa cidade é uma referência no Brasil para esse tipo de viagem.

No Bosque das Águas em Bonito você terá, sem dúvida, contato com a natureza. Poderá mergulhar em cachoeiras, apreciar belas paisagens e passar tardes agradáveis, por exemplo.

Bem, isso é o prometido, a propaganda veiculada pelo turismo local. Mas será que o Bosque das Águas vale a pena mesmo?

Será um passeio que satisfaz somente aqueles “marinheiros de primeira viagem”, que raramente fazem esse tipo de passeio e não têm outras referências, ou é o local que vai agradar mesmo aqueles “cascudos” em ecoturismo?

Fomos para lá tirar essa dúvida. A conclusão, você confere nos próximos tópicos. Também nos encarregamos de reunir as informações mais importantes para você ter a melhor experiência possível.

Localização, horário de funcionamento, locais próximos, restrições e comodidades. Você confere tudo a seguir!

Saiba se o Bosque das Águas vale a pena ou não.

Localização

Onde fica?

O Bosque das Águas fica a 7 km do centro de Bonito, na Rod. Bonito / Guia Lopes.

Seu posicionamento é estratégico, pois fica situado nas margens de um dos rios mais procurados da região, famoso por conter um grande volume de piraputangas, um belo peixe que é símbolo da cidade: Rio Formoso.

Para quem está no centro de Bonito, é possível chegar ao bosque a pé ou de bicicleta, mas também é possível ir de carro.

Lugares próximos

Posts Relacionados

Como é o passeio pelo Bosque das Águas?

Bosque das Águas
Fonte: Mariluce f (TripAdvisor)

O ambiente é de cinema. Sério, sem exagero. Você se sente em uma ilha paradisíaca com vegetação local bem preservada e abundante no entorno de águas exuberantemente verdes e inacreditavelmente cristalinas.

De fato, é um primor, um impacto visual garantido envolto em uma atmosfera de paz, ar puro e calor agradável.

O lugar ficar às margens do Rio Formoso. Então, imagine um longo curso d’água, da mais bela que você pode ver, cercada pela vegetação verde pulsante nos dois sentidos e pontuada por “decks” ao longo de suas margens.

Dessa forma, decks são terraços, plataformas de madeira para construção de pequenas estruturas para acomodar pessoas.

Ao todo, são seis decks em diferentes pontos do rio. Um deles tem vista direto para a cachoeira. Certamente, é um ótimo local para tirar fotos (em todos os decks, aliás) e se refrescar.

Como paisagem e  estrutura, o Bosque das Águas vale a pena.

Vistas estonteantes, acomodações bem preservadas (até porque se trata de uma atração nova), equipe de primeiros socorros e de salvamento aquático de prontidão, banheiros com duchas e até quiosque com churrasqueira.

No quiosque você tem acesso a gelo, carvão, bebidas e até wi-fi. Perfeito para levar a família, fazer um churrasquinho, registrar belos momentos e fazer bons mergulhos, por exemplo.

Para quem tem crianças, não se preocupe, pois, não há restrição de idade. Há, inclusive, espaço kids.

Atendimento nota 10 na região

Além da boa estrutura, os prestadores de serviço da região são atenciosos e de qualidade. Logo na recepção, o visitante recebe informações sobre os principais pontos de acesso do local, os serviços disponíveis, as restrições e mais.

Não tivermos dificuldade para usufruir de nenhum trecho do bosque e nem passamos por nenhum sufoco.

Felizmente, as equipes de primeiros socorros e salvamento aquático não precisaram ser acionadas conosco ou com outros turistas enquanto estivermos lá (não costuma ter muuuita gente, o que deixa o passeio com uma vibe ilha deserta), porém, isso não impediu esses profissionais de se fazerem presentes e dar boas orientações.

Decks

Já elogiamos a estrutura dos decks, mas o que vamos destacar aqui agora é a localização deles.

Apesar de fazerem parte do mesmo circuito, da “mesma linha” de entretenimento turístico, não estão interligados. São plataformas independentes localizadas em diferentes pontos do rio. Isso garante privacidade para todas as famílias que visitarem o local.

Ou seja, em caso de lotação, o que costuma ocorrer na alta temporada, não arriscará ter que compartilhar um espaço, que não é muito grande, afinal, está à margem de um rio, com outras pessoas.

Se o seu negócio é passeio em família com privacidade, Bosque das Águas vale a pena.

O que levar no Bosque das Águas?

Bosque das Águas
Fonte: Mariluce f (TripAdvisor)

Se você quiser fazer um churrasco, terá que levar a comida e arcar com as bebidas, gelo, carvão e demais itens. O local disponibiliza apenas a infraestrutura.

Também é recomendável levar roupas de banho, toalhas, protetor solar e máquina fotográfica, pois deixar de registrar as paisagens do bosque é praticamente um pecado.

Quais são as Normas do Local?

Os visitantes precisam seguir algumas normas para usufruir do espaço o melhor possível.

Quem não sabe nadar, tem que usar colete salva-vidas. Não é opcional. É obrigatório. Você pode retirar na recepção.

O colete é recomendado para menor de idade, que precisa obrigatoriamente estar acompanhado por um responsável.

É proibido tirar a boia de resgate do seu local. Proíbe-se também lixo no chão, na água ou no bosque.

No espaço kids, a criança não pode pular do cercado, assim como também é proibido saltos do corrimão e da mesa do deck.

Descer a cachoeira nadando com objetos flutuantes é outra prática proibida.

Em dias de chuvas intensas e com raios, a direção do passeio pode se reunir para avaliar as condições de segurança e a qualidade do passeio. Ela pode determinar a suspensão ou não das atividades.

Qual é o horário de funcionamento?

Das 8h às 17h.

Quanto custa a entrada?

R$ 60 por adulto, R$ 52 terceira idade e R$ 40 crianças de 06 a 11 anos.

Conclusão: Bosque das Águas vale a pena!

Bosque das Águas
Fonte: Davi Abreu (TripAdvisor)

Para os fãs de ecoturismo, é um prato cheio. Um local com ótima estrutura, oferece privacidade, belas paisagens e segurança.

Portanto, o Bosque das Águas vale a pena sim. Recomendado!

Perguntas e respostas

Tem Uber em Bonito?

Não tem Uber em Bonito (MS). Alugar um carro é a alternativa mais prática. Você pode também usar um táxi ou conseguir um transporte compartilhado.

Qual é o aeroporto mais próximo de Bonito?

Aeroporto Internacional de Campo Grande. Fica a 260 km de Bonito.