Abismo Anhumas Vale a Pena? Tudo o que você Precisa Saber!

Já imaginou fazer uma descida de rapel de 70 metros por uma fenda em meio às rochas? E, ao chegar lá embaixo, se deparar com um lago de águas cristalinas envolto por  estalactites e estalagmites? Aí, colocar uma roupa de banho e fazer flutuação olhando para cones de calcário de 20 metros submersos? Esse é o Abismo Anhumas!

Pois, tudo isso é apenas parte do que oferece uma visita a Bonito, Abismo Anhumas, no interior de Mato Grosso do Sul.

De fato, em meio a muito verde, as formações rochosas que formam o abismo são o ponto alto de uma viagem inesquecível.

O atrativo é o mais famoso passeio de Bonito, considerada a capital brasileira do ecoturismo. Ele requer preparação um dia antes da descida e uma dose de adrenalina dos visitantes. Mas quando se chega lá embaixo, ah, vale cada segundo!

Há quatro tipos de passeios em Bonito pelo Abismo Anhumas. Todos eles incluem descida e subida de rapel – mas fique tranquilo, você não precisará fazer quase nenhum esforço -, e cada um guarda atrações que os tornam únicos.

O passeio mais básico inclui passeio de bote com guia, momento para conhecer toda a história do abismo e fazer muitas fotos. Há também uma opção intermediária, que oferece a oportunidade de fazer flutuação nas águas límpidas do lago que inunda a caverna. Mas é um passeio mais completo que é capaz de tirar o fôlego de qualquer um, com mergulho sob as águas que podem chegar a até 20 metros.

É simplesmente impossível não se apaixonar com isso tudo.

Então, vamos conhecer?

Localização

Onde fica?

O Abismo Anhumas fica a 23 quilômetros de distância da cidade de Bonito (MS).

Lugares próximos:

  • Gruta do Lago Azul (1,3 km);
  • Aquário Natural (31 km);
  • Parque das Cachoeiras (31,7 km);
  • Cachoeira Boca da Onça (80 km).

Posts Relacionados

Como chegar?

A cidade de Bonito fica a 300 quilômetros de distância da capital, Campo Grande. E, para quem é de fora do estado, a melhor opção para ir a Bonito é de avião. Há duas maneiras de se fazer isso.

A forma mais cômoda é voando diretamente à cidade. Há voos da Azul partindo do aeroporto de Campinas com uma frequência de pelo menos três vezes por semana. Assim, você chegará a esta cidade encantadora sem maiores sobressaltos.

Mas, o problema é que, por não ser uma rota com tanta demanda, o valor da passagem aérea não costuma ser dos mais convidativos.

Assim, se você quiser gastar menos com passagens, poderá voar até a capital e fazer o restante do trajeto de carro, transfer (van) ou ônibus.

Portanto, a escolha pelo transfer costuma ser a mais cômoda. A viagem leva em torno de quatro horas – há uma parada de 30 minutos – e deixa os passageiros diretamente em seus hotéis. O custo é de cerca de R$ 100.

Se optar pelo transfer, é importante fazer a reserva antecipada.

Bonito – Abismo Anhumas: vale a pena?

Abismo Anhumas
Fonte: Tiê H. C. A. (Flickr)

O passeio ao Abismo Anhumas em Bonito vale muito a pena! Trata-se, sem dúvida alguma, de uma experiência inesquecível.

Bonito é considerada a capital do ecoturismo no Brasil. Há diversas opções de tours por lá, todos acompanhados por guias locais. O passeio pela caverna do Abismo Anhumas é o mais caro e feito em duas etapas, mas com certeza o mais fantástico deles!

O encantamento aparece do início ao fim, desde a entrada por uma pequena fenda, passando pelo maravilhoso visual das estalactites e estalagmites, até o banho no lago.

O Abismo Anhumas é uma caverna em que você só entra fazendo rapel. A descida tem nada menos do que 70 metros de altura, terminando em um lago cuja profundidade é ainda maior – de 78 metros.

A água é cristalina. Para você ter uma ideia, ela permite visibilidade de até 60 metros! E isso ajuda a observar toda a beleza do Abismo Anhumas: com o auxílio de lanternas, você conseguirá ver os cones submersos de calcário, que chegam a ter 20 metros.

Abismo Anhumas: como é o passeio?

Abismo Anhumas
Fonte: Bruno (Flickr)

Não existe um passeio único pelo Abismo Anhumas. Há diferentes pacotes, e cada um deles engloba uma experiência distinta, que apresentamos a seguir.

Treinamento

O que é comum a todas as experiências pelo Abismo Anhumas é que, um dia antes de você descer pela caverna, será preciso ir até a sede da empresa responsável pela atração para fazer um treinamento. O local fica no centro da cidade de Bonito.

O treinamento é exigido porque, como dissemos, o acesso ao interior da caverna só é possível através de rapel. O mesmo, claro, vale para a subida no momento da saída.

Assim, antes de visitar o Abismo Anhumas é preciso se preparar para conhecer a atração.

Na sede da empresa, você fará um treinamento que irá mostrar como subir e como descer pelo interior da caverna.

Isso é feito através de uma plataforma de cerca de oito metros de altura existente na sede da empresa. E vale lembrar que a descida na caverna é quase nove vezes maior…

Mas não se assuste! Não é preciso saber absolutamente nada sobre rapel para conseguir fazer o passeio. Quem nunca praticou esse esporte radical vai aprender tudo na hora.

O mais legal é que, se você não tiver prática nenhuma, poderá ser simplesmente içado e descido com o auxílio de equipamentos. Assim, não será preciso fazer muito esforço. Os próprios instrutores irão avaliar qual o modo mais indicado para você, tudo com a maior segurança.

No treinamento, você também será preparado para a experiência que escolheu fazer no Abismo Anhumas.

Contemplação

O passeio inclui a descida de rapel elétrico pelos 70 metros de altura, além de passeio de bote pelo interior da caverna – a experiência, porém, não inclui entrada na água.

Como o próprio nome sugere, a ideia aqui é contemplar a beleza e a imensidão do Abismo Anhumas, com suas formações rochosas. Você poderá fazer muitas fotos e aprender tudo sobre a caverna com o guia.

Flutuação

Essa opção começa da mesma forma que a experiência de contemplação: você desce de rapel elétrico, faz o passeio de bote inflável e conhece todas as belezas do lugar.

O diferencial vem ao final da expedição.

Com uma roupa de neoprene, você fará uma flutuação sobre as águas com snorkel e poderá vislumbrar a chamada “cidade dos cones submersos”, que fica no fundo do lago. Impossível não se maravilhar.

Mergulho Discovery/Batismo – até 8m

Este é um dos passeios mais incríveis que você pode escolher pelo Abismo Anhumas – e olha que, como você pode perceber, todos eles são.

O Mergulho Discovery inclui a descida com rapel elétrico, o passeio de bote inflável na companhia de um guia e a flutuação sobre as águas cristalinas.

Só por aí já estaria bom, não é? Mas melhora.

Para completar o passeio, você fará um mergulho de até 8 metros. Lembra que mencionamos que a visibilidade embaixo d’água chega a 60 metros? Pois imagine o quão maravilhoso não deve ser esse mergulho…

Ah, e para essa modalidade não é preciso fazer curso de mergulho ou ter qualquer tipo de certificação. Você estará acompanhado de guia e tudo será feito com a máxima segurança.

Mergulho Open Water – até 20m

Se você for mergulhador profissional ou tiver a certificação Open Water, este é o melhor passeio pelo Abismo Anhumas que você pode escolher.

Nele, você terá direito a tudo o que o Mergulho Batismo oferece, da descida de rapel elétrico ao passeio de bote inflável, passando pela flutuação sobre as águas calmas e cristalinas da caverna.

A diferença está na profundidade do mergulho que irá fechar o seu passeio.

Aqui, é possível descer a até 20 metros de profundidade, o que fará você ter uma visão ainda mais incrível de tudo o que o Abismo Anhumas tem a oferecer.

Preços: quanto custa o passeio pelo Abismo Anhumas em Bonito?

Abismo Anhumas
Fonte: 1001 Dicas de Viagem (Flickr)

Os preços para os passeios pelo Abismo Anhumas variam de acordo com a experiência que você deseja curtir.

A experiência mais em conta é a Contemplação. O passeio custa R$ 799.

Por R$ 1.120 você expande a aventura e, com uma roupa de banho, ganha o direito de fazer a flutuação nas águas do interior da caverna.

O passeio mais caro, por sua vez, é o que inclui o mergulho. Tanto o Open Water quanto o Discovery/Batismo saem por R$ 1.530. Todos os valores são referentes a 2021.

A duração das diferentes experiências pelo Abismo Anhumas é similar, e você precisa se preparar para um passeio de dois dias.

O primeiro é dedicado ao treinamento na sede da empresa, no centro de Bonito. É lá que você irá escolher a hora que fará a descida pela caverna no dia seguinte.

É lá também que a equipe responsável pela caverna fará toda a preparação. Isso inclui a escolha da roupa de neoprene adequada – para o caso dos passeios com entrada na água -, do colete salva-vidas e de tudo o que as pessoas precisam saber no momento da visitação.

Como é o clima em Bonito?

Bonito costuma ter duas estações bem definidas: a das secas, e a das chuvas.

Portanto, os meses de verão, entre dezembro e março, são os que registram as temperaturas mais altas e, também, o período chuvoso.

Mas, há vantagens e desvantagens em se viajar nesse período. Se por um lado as cachoeiras ficam mais cheias e as paisagens mais verdes, por outro o excesso de chuvas pode fazer com que alguns passeios sejam suspensos ou cancelados.

Por coincidir com o período de férias, o verão também é considerado como a alta temporada. Como tal, prepara-se para gastar mais.

Entre maio e agosto – portanto, fim de outono e inverno -, Bonito vive a estação seca.

As águas ficam mais cristalinas, mas a mata fica menos verdinha. É importante lembrar também que se trata de um período comum para queimadas na região.

Além disso, a temperatura pode cair consideravelmente à noite. Nada muito frio, mas prepare-se para temperaturas em torno dos 15 °C.

Outras atrações em Bonito, Mato Grosso do Sul

Além do inesquecível passeio pelo Abismo Anhumas, a cidade de Bonito oferece dezenas de outras opções de ecoturismo. Qualquer que seja o atrativo, todos eles são acompanhados por um guia, que deixará sua viagem mais segura e completa.

Entre os lugares que a cidade oferece, há diversos que incluem flutuação como a que oferece o interior do Abismo Anhumas. Ainda que você não tenha a mesma aventura da descida (e subida) de rapel, em todos eles as belezas naturais farão você ter certeza que acertou em cheio na escolha do destino.

Ah, e os preços são bem mais em conta do que o do Abismo Anhumas.

Vamos conhecer alguns deles? É só continuar a leitura!

Gruta do Lago Azul

Gruta do Lago Azul
Fonte: Alexandre Lobo (Flickr)

O passeio pela Gruta do Lago Azul é, sem dúvida, um dos mais famosos de Bonito. Ele tem algumas similaridades com o do Abismo Anhumas, mas a grande diferença é que se trata de uma caverna alagada cujo acesso não se dá por uma fenda de cima.

A gruta fica a 21 quilômetros de Bonito. Para se chegar até ela, é preciso caminhar por uma trilha de 200 metros e, na sequência, descer por uma escadaria de 300 degraus!

Apesar disso, quem já foi assegura que a caminha é feita lentamente e, dessa forma, se torna acessível a pessoas de todas as idades, inclusive os mais velhos.

Todo o percurso é feito na companhia de um guia. Para visitar, você precisa obrigatoriamente estar calçando tênis. Aconselha-se levar ainda repelente e protetor solar.

O preço? R$ 90 por pessoa!

Flutuação no Aquário Natural

Aquário Natural
Fonte: Fernando Quevedo (Flickr)

A apenas sete quilômetros do centro de Bonito fica o Aquário Natural, onde é possível fazer mais um passeio de flutuação da cidade.

São nada mais, nada menos, do que 800 metros de flutuação. A atividade começa com um treinamento em piscina. Depois, são 500 metros de caminhada por uma trilha até chegar à plataforma onde começará a flutuação.

O passeio custa R$ 206. O valor inclui tudo o que você for precisar para a atividade: roupa de neoprene, sapatos de flutuação, colete salva-vidas, snorkel com máscara e o guia.

Não é permitido o uso de protetor solar ou de qualquer produto na pele, como forma de preservar a qualidade da água e a vida das espécies que vivem no lago.

Ah, e é preciso ter um pouco mais de condicionamento físico para aguentar todo o percurso! Portanto, capriche nos exercícios nas semanas antes de viajar a Bonito.

Boca da Onça

Boca da onça
Fonte: 1001 Dicas de Viagem (Flickr)

Esse passeio fica um pouco mais distante, a 55 quilômetros de Bonito. Mas, como tudo por lá, vale muito a pena!

Durante o Passeio de Trilha com Cachoeiras Boca da Onça, as pessoas passam por nada menos do que oito cachoeiras! Nesse percurso, você terá a oportunidade de parar para quatro banhos de cachoeira, incluindo a da Cachoeira Boca da Onça.

A queda d’água tem 156 metros de altura. Trata-se da maior cachoeira de Mato Grosso do Sul.

O lugar conta com boa infraestrutura. Há estacionamento próprio, acesso para cadeirantes, restaurante e uma lojinha para a compra de souvenirs.

O passeio custa R$ 267, valor que dá direito a café da manhã, colete salva-vida e o acompanhamento do guia.

E então, gostou do conteúdo? Continue acompanhando o Viagem Club, sempre com muita informação de qualidade para você!

Perguntas e respostas sobre o Abismo Anhumas

Quanto custa o Abismo Anhumas?

O passeio pelo Abismo Anhumas, como não poderia deixar de ser, tem valores diferentes. Eles variam conforme a atividade que os visitantes desejarem realizar.

O preço mínimo é de R$ 799, mas há opções que chegam a R$ 1.530. Essa opção é ideal para mergulhadores, visto que permite submergir a até 20 metros de profundidade em um dos lagos de interior de caverna mais incríveis do mundo.

Onde fica o Abismo Anhumas?

O Abismo Anhumas fica na cidade de Bonito (MS), no centro-oeste do Brasil. A região é um dos mais importantes polos de ecoturismo da América do Sul, e recebe a visita de milhares de turistas todos os anos.