Carregando...

Curitiba em Agosto: 5 Atrações Para Aproveitar o Mês

O clima de Curitiba em agosto dá aquela sensação de que o frio de julho já está indo embora, mas ainda não foi totalmente.

Anúncios

Então, se você tentou viajar nas férias escolares de julho, mas não conseguiu, o mês de agosto em Curitiba também é convidativo.

Anúncios

Ainda mais por não ser um mês que atrai tantos turistas, já que a maioria gosta mesmo é de viajar entre março e maio, ou no final do ano, para as festividades natalinas.

Por outro lado, o que fazer em Curitiba em agosto, durante os dias frios?

Bem, selecionamos alguns passeios para lá de especiais que não podem ficar de fora do seu roteiro. Confira com a gente!

Como aproveitar Curitiba em agosto da melhor forma possível?

Para os viajantes acostumados com praia, sol, calor e passeios de barco, certamente, essa é uma pergunta difícil. Afinal, é possível aproveitar Curitiba em agosto?

A resposta é sim! Por isso, dedicamos este post inteiramente aos principais passeios para essa época do ano. Vamos lá!

1. Parques de Curitiba, perfeitos para agosto

Em primeiro lugar, a melhor época do ano para fazer os passeios gratuitos ao ar livre em Curitiba é, sem dúvida, nos meses sem chuva.

Até porque, a chuva atrapalha os planos de quem quer fazer um piquenique, por exemplo.

Mas, em agosto, com o clima ameno e alguns pingos de chuva, a visita a parques de Curitiba se torna muito interessante.

Veja alguns deles:

  • Parque Jardim Botânico – Esse é um dos cartões-postais mais visitados da capital paranaense. O local possui uma estufa feita de vidro, cuja influência veio de Londres. O jardim chama bastante atenção, e o turista pode tirar fotos, inclusive, das Araucárias, árvores símbolo do Paraná;
  • Parque Barigui – Barigui é um dos parques mais bem frequentados por turistas e nativos. Não à toa, são mais de 1 milhão de m² de uma área verde, repleta de atividades de lazer e de animais diversos, como gambás e jacarés. Aliás, é lá que você fica cara a cara com as famosas capivaras, mascote curitibano;
  • Parque Tingui – Às margens do Rio Barigui está o Parque Tingui, responsável por abrigar o Memorial Ucraniano, uma homenagem ao povo que ajudou a construir o estado paranaense. Além do belo jardim e do gramado espetacular, os turistas ainda ganham cultura ao conhecer um pouco da história do povo ucraniano no Memorial.

2. Bosques curitibanos, um mais lindo que o outro

O que os bosques lembram para você? Lugares encantadores e mágicos, saídos dos contos de fadas, certo?

É assim que você vai se sentir ao visitar os bosques de Curitiba no friozinho de agosto.

Separamos dois que merecem sua atenção:

  • Bosque Alemão – Uma coisa que você, turista de primeira viagem ao Paraná, vai perceber, é que os curitibanos amam homenagear os povos que ajudaram a moldar a cultura da cidade. O Bosque Alemão, por exemplo, homenageia o povo alemão, com belas construções históricas. Aproveite o mês de agosto para levar as crianças para a biblioteca Casa da Bruxa ou para fazer a famosa trilha de João e Maria;
  • Bosque do Papa – Outra homenagem de Curitiba e que merece sua visita em agosto. O Bosque do Papa não recebe esse nome à toa: é homenagem aos imigrantes poloneses, mas também à visita do Papa João Paulo II em 1980. Vale a pena fazer as trilhas e conferir de perto a riqueza da fauna e flora local.

3. Museus, memoriais e teatros de Curitiba

A melhor forma de aproveitar uma viagem à Curitiba em agosto é absorver a arte e a cultura local. E isso você faz visitando museus, memoriais e teatros na cidade.

A seguir, elencamos alguns points culturais e históricos para enriquecer sua bagagem:

  • Museu de Arte Contemporânea – O famoso MAC é uma excelente dica para conhecer as obras de grandes artistas contemporâneos, como Burle Marx, Alfredo Volpi e Helena Hong. Atualmente, ele está funcionando no Museu do Olho, nas salas 8 e 9, na Rua Marechal Hermes, nº 999;
  • Museu Oscar Niemeyer (MON) – Também conhecido como Museu do Olho, o MON é mais um museu de obra arte em Curitiba para visitar em agosto. Além da exposição de autores, como Tarsila do Amaral e do próprio Oscar Niemeyer, há também um passeio futurístico pelo corredor subterrâneo. Vale a pena;
  • Museu do Holocausto – Museus são as melhores maneiras de se conhecer o passado, para não repeti-los no presente. O Museu do Holocausto é um deles, com grande acervo histórico de quem viveu a Segunda Guerra Mundial;
  • Memorial Ucraniano – Assim como o Museu do Holocausto, o Memorial Ucraniano também é uma forma de relembrar o Holodomor, o genocídio que dizimou milhões na Ucrânia;
  • Teatro Paiol – O Teatro do Paiol, inaugurado no lugar de um depósito de pólvora, é um marco na cultura curitibana. O local, com espaço para mais de 200 pessoas, já recebeu Elza Soares e Nana Caymmi.

4. Rotas gastronômicas

Fala a verdade: a melhor parte de qualquer viagem é comer, não é? Pois Curitiba tem as melhores rotas gastronômicas da cidade.

Você pode escolher entre restaurantes baratos, românticos, e até refinados. Tem para todos os gostos!

Mas, antes de ir, saiba que os pratos típicos de Curitiba e que valem a pena experimentar nos dias frios de agosto é a carne de onça (na verdade, leva carne bovina), e que já virou Patrimônio Cultural da Capital.

Há também o pão com bolinho, comida italiana, e claro, o velho e bom pinhão de Curitiba.

5. Bônus: Linha Turismo

O orçamento está apertado e o seu roteiro é de apenas 1 ou 2 dias? Hmm, chato isso, hein? Mas ainda bem que existe o ônibus da Linha Turismo.

Isso porque o ônibus faz mais de 20 paradas em diversos pontos turísticos, como a Praça Tiradentes, o Jardim Botânico e a charmosa Rua das Flores.

Passeio imperdível que você paga R$ 50 para desfrutar 24 horas de puro lazer.

Como é o clima de Curitiba em agosto?

Agosto é um mês menos frio do que julho, mas ainda beirando os 19 °C a 20 °C. Além disso, há risco de nebulosidade (o que atrapalha a visão em mirantes) e alguma chuva, mas pouca.

Sendo assim, as melhores atrações de Curitiba em agosto são essas 5 opções que indicamos para você: parques, museus, bosques e restaurantes. Aproveite e continue conosco para mais dicas de viagem!

Você também pode gostar...

Guia completo, atualizado e 100% gratuito para

Curitiba